Rejeição 203: Emissor não habilitado para emissão de NF-e

Ultima Atualização: 07/02/2020    Artigo de código : 4987             



A rejeição ocorre quando for emitida uma NF-e e o emitente não estiver habilitado na SEFAZ para emissão deste tipo de documento fiscal e pode variar por algumas situações:

* Empresas recém-criadas e que ainda estão em processo de cadastramento na SEFAZ;
* Empresas que já são emissoras, porém estão com algum tipo de pendência na SEFAZ ou Receita Federal;
* Divergência de informações na Sefaz.


Solução:

Nessa situação, é importante que consulte a Inscrição Estadual ou CNPJ no SINTEGRA Clique aqui ou Cadastro Centralizado de Contribuinte (CCC) Clique Aqui. Ao fazer essa consulta, é possível verificar a situação cadastral da empresa e verificar se consta como Habilitado



Caso não existam bloqueios referentes a inscrição estadual será necessário consultar se a empresa emitente se encontra credenciada para emissão de NFe Clique Aqui

Em todos os casos, é importante entrar em contato com a SEFAZ para verificar sua situação cadastral  e o motivo da rejeição.

Para o estado do Paraná será necessário acessar o site da Sefaz-PR e solicitar a permissão de uso do software, Clique Aqui para verificar esse processo.

Após alteração acesse sua nota rejeitada clique em salvar, validar e emitir.



A sua opinião é muito importante para nós:


Este artigo me ajudou

Obrigado pela sua opinião

Este artigo não me ajudou

Obrigado pela sua sugestão!

Descreva aqui como podemos melhorar este conteúdo.
Para outros assuntos entre em contato com nossos atendentes pelo telefone 3004-3303 ou pelo chat.

Enviar
4987